sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Análise da música de Seu Jorge, Burguesinha
Composição: Seu Jorge / Gabriel Moura / Pretinho da Serrinha

Vai no cabeleireiro
No esteticista
Malha o dia inteiro
Pinta de artista
Saca dinheiro
Vai de motorista
Com seu carro esporte
Vai zoar na pista
Final de semana
Na casa de praia
Só gastando grana
Na maior gandaia
Vai pra balada
Dança bate estaca
Com a sua tribo
Até de madrugada
Burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha
Só no filé
Burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha
Tem o que quer
Burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha
Do croissant
Burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha
Suquinho de maçã

Como é essa mulher que está sendo descrita na música? Faça uma descrição física dela procurando falar da altura, dos cabelos, dos olhos, do tipo de roupa que usa e tudo mais que você lembrar.
O professor deve alertar os alunos para a questão dos padrões de beleza, que muitas vezes é imposto pela mídia.
Procure uma foto na Internet, em jornais ou revistas, que ilustre essa mulher descrita na música.
Os alunos devem discutir quais são as fotografias que melhor ilustram a personagem e apontar os elementos da imagem que reforçam isso.
Essa música trata esse tipo de mulher como sendo positivo ou negativo? Você acha que há na música alguma crítica a essa mulher?
Alguns alunos podem perceber a música como sendo uma crítica e outros como um elogio. O importante não é chegar a uma resposta definitiva, mas respeitar os diferentes pontos de vistas e estimular a consistência das argumentações.
Você se identifica com a vida dela? Quais as semelhanças e as diferenças entre a vida da Burguesinha e a sua?
Os alunos devem perceber que todo estilo de vida tem suas vantagens e seus problemas.
O que é burguesinha? De onde vem essa palavra?
Burguesinha vem de burguesia que era uma classe social (os burgueses) que surgiu no final da Idade Média e que se dedicava, sobretudo, ao comércio e que, por lidar com dinheiro, acabou ficando rica. Os burgueses moravam nos burgos, que eram pequenas cidades comerciais que surgiam em torno dos castelos feudais.
A palavra burguês passou então a ser uma palavra que se relacionava aos comerciantes enriqueceram e atualmente usada como um sinênimo de pessoa rica.
É importante discutir com os alunos que a palavra burguês nem sempre é vista como positiva. No dicionário Aurélio, por exemplo, podemos encontrar uma entrada com uma conotação depreciativa: “indivíduo sem elevação ou largueza de ideias, apegado a valores materiais, a hábitos e tradições convencionais”.
Em grupos procurem fotos na Internet que mostrem um perfil de mulher ou uma situação de vida diferente do que está sendo apresentado na música. Monte com seus colegas uma apresentação em Power Point com essas imagens que você escolheu e coloque a música de fundo. Apresente para sua turma e discuta com eles as imagens que vocês escolheram, e o objetivo da apresentação que vocês criaram (ironizar, alertar, chocar, informar, fazer humor, etc.). Peça que avaliem se vocês foram bem sucedidos e que apresentem sugestões para que vocês possam melhorar o trabalho.
Esta questão deve estimular o senso crítico dos alunos e ajudá-los a perceber as diversas realidades que podem ser encontradas em nossa sociedade.
Escolher um perfil de homem para fazer uma versão da música. (caso queiram, os alunos podem escolher outras opções como fazer uma versão da música falando de uma pessoa querida ou importante, falando da rotina de um profissional – doméstica, dentista, professor, músico, estudante – ou falando de um lugar de que gostam).
Esse trabalho deve ser feito em pequenos grupos. Os alunos não devem mencionar quem é essa pessoa no texto. Seria mais interessante que os colegas pudessesm descobrir de quem ou do que os colegas estão falando.
Material produzido por Carla Viana Coscarelli (UFMG)

Um comentário:

  1. Burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha, burguesinha...

    ResponderExcluir